4 dicas práticas para ser mais sustentável

4 dicas práticas para ser mais sustentável

Com a quantidade cada vez maior de dados que temos acesso, seja pelas mídias ou em conversas e eventos, fica evidente que nos últimos anos não temos tido atitudes pensando no bem do nosso planeta. O lado bom dessa história é que uma quantidade cada vez maior de pessoas está consciente de que precisamos cuidar do nosso lar, a Terra, porque todos fazemos parte do mesmo ecossistema.

Participando de eventos de empreendedorismo vejo que existem muitas pessoas preocupadas com os seus impactos e dispostas a dedicar seu tempo e sua energia para criar soluções simples e com grande poder de redução do nosso impacto na natureza. Também cresce o número de pessoas que consomem produtos reutilizáveis, dando preferência a eles ao invés dos descartáveis. Estimulando, assim, com que esses empreendedores continuem acreditando e trabalhando em prol dessa causa.

Tenho aprendido formas de viver em harmonia com a natureza todos os dias, já conversamos sobre o despertar para o consumo consciente e o texto de hoje é dedicado a você, que assim como eu, quer conhecer formas práticas e simples de ser mais sustentável no seu dia-a-dia.

A Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especial) fez uma pesquisa e forneceu dados de que 64 milhões de toneladas de resíduos são gerados no Brasil a cada ano. Desses, 24 milhões são descartados em locais inadequados. Cada brasileiro, em média, gera 383 kg de lixo por ano.

Esses números são grandes, mas não é preciso imaginar muito, não está tão distante assim da gente: basta pensarmos na quantidade de sacolinhas plásticas que levamos para as lixeiras de nossos condomínios e casas a cada semana. É bastante, né?

Mas e como podemos reduzir essa quantidade?

1. Com o canudo ECO, LÓGICO!

Segundo dados da ONU 8 milhões de toneladas de plásticos acabam nos oceanos. Entre eles, os canudos plásticos.

O que acontece é que esses canudos não são recicláveis, liberam substâncias tóxicas no nosso organismo e representam 90% do lixo encontrado nos oceanos. Se continuarmos nesse ritmo, até 2050 estima-se que haverá mais plástico do que peixes nos oceanos.

A Mentah! é uma empresa dedicada a ajudar a causa marinha criando canudos de vidro reutilizáveis. Você já pode comprar o seu clicando aqui.

2. Meu Copo ECO

Você já deve ter visto em alguns eventos os copos ECO, aqueles coloridos de plástico com imagens e frases legais, sabe?

Quem desenvolveu essa ideia foi a Lari, que mora lá em Florianópolis. Ela também morou durante um tempo na França e trabalhou com eventos de sustentabilidade por lá, ao voltar para o Brasil teve a ideia de criar a Meu Copo ECO. Ela detectou 4 principais problemas na utilização dos copos descartáveis.

1: 720 milhões de copos descartáveis vão para o lixo todos os dias no Brasil, uma pessoa usa em média 4 copos em um dia.

2: 35% de todo o plástico que consumimos é utilizado por no máximo 20 min.

3: Apenas 3% são reciclados devido ao baixo valor econômico.

4: Um copo plástico pode levar até 400 anos para de decompor. Após esse tempo ele se torna um microplástico que não se degrada.

E como eu posso utilizar O Meu Copo ECO? Se você organiza eventos, pode encomendar por aqui os seus copos com design personalizado. Ou então, em eventos, há a opção de você levar para casa seu copo, normalmente nesses lugares o custo é em torno de 5 reais. Tendo o seu, você pode levá-lo na mochila para onde for (tem até uma cordinha para prender nela!)

Se cada pessoa utiliza em média 4 copos descartáveis por dia, se você usar o copo ECO durante 1 ano terá economizado o descarte de 1.460 copos! Vale engajar nessa causa, né?

3. Que tal trocar o absorvente descartável pelas calcinhas menstruais reutilizáveis?

Durante muito tempo o mercado não inovou em protetores menstruais. O problema era dado como resolvido, mas o impacto do descarte dos absorventes não era levado em conta, nem o desconforto que muitas de nós sentimos ao usar um absorvente descartável. Nos últimos anos, entretanto, tivemos inovações nessa área! Primeiro os copinhos menstruais e agora calcinhas reutilizáveis e até biquínis absorventes, que foram desenvolvidos por empreendedoras de Porto Alegre.

Utilizando uma calcinha absorvente, em 2 anos você vai poupar: 480 absorventes descartáveis e 288 reais.

Além de ser uma opção bem mais confortável para o ciclo menstrual, já pensou usar só uma calcinha mesmo menstruada?

Para garantir a sua, ou presentear alguém nas festas de final de ano, clique aqui.

4. Uma atitude mais consciente

Fonte: Blog do Lixo

A quinta dica de hoje para ser mais sustentável é ter uma atitude mais consciente! Estar sempre atento ao lixo que se gera e as novas possibilidades de tanto reduzir o descarte quanto fazê-lo de forma correta. Assim como esses empreendedores brasileiros criaram novas alternativas, você também pode criar novos hábitos que vão ajudar nosso planeta e dar o exemplo para que mais pessoas também façam isso. 🙂

E por aí, quais atitudes você já adota ou quer começar a praticar para ser mais sustentável?

Com carinho, Fran.

@franbitten

Compartilhe este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


0
Herself